é serio (:
E eu vou continuar sonhando com você toda noite ate meu sonho se realizar […]
"[...] Eu lembro, amor. De tudo, cada passo que a gente deu para as diversas direções que já fomos. Lembro das brigas também. Lembro de pensar que o amor é perfeito, que bobeira, o amor é pura imperfeição. Perfeitos só os casais do comercial da Becel (sem sal)... Lembro de já ter ficado triste por te deixar triste. Lembro de me sentir mal com isso. Lembro dos momentos em que a gente foi bobo e feliz. Lembro que sou feliz a maior parte do tempo, pelo simples fato de você existir em mim. Lembro de descobrir que um sentimento não serve para ser dito, como coisa que fica bem em filme ou texto, ele tem que ser vivido de forma plena. Lembro de não conseguir me permitir sentir tanta felicidade assim. Lembro da tua mão, que sempre acha a minha. Lembro dos teus dedos, que sempre me fazem carinho. Lembro da tua boca, que sempre me acalma. Lembro do teu rosto de menino, que me olha como se ainda fosse aquela primeira vez. Lembro de cada coisa que descubro, manias, gestos, pensamentos." Clarissa Corrêa.

Laryssaaugusta- 18 anos, Minas Gerais.





1º page :


ask e faq.


insta


face e twitter


recomendo'
Theme adaptado por dilacerar; base por antigones com detalhes da keepcal-m e noheartgirl.
theme (c)

(via naninhacarvalho)


Há 5 dias · 20.327 notas · originally from naughty-couples · Reblog

Adeus você, eu hoje
vou pro lado de lá. Eu
tô levando tudo de mim,
que é pra não ter razão
pra chorar; Vê se te
alimenta, e não pensa
que eu fui por não te
amar.
Los Hermanos.   (via auroriar)

(Fonte: decepciona, via auroriar)


Há 2 semanas · 10.126 notas · originally from decepciona · Reblog

Tenho andado distraído, impaciente e indeciso. E ainda estou confuso, só que agora é diferente. Sou tão tranquilo e tão contente. Quantas chances desperdicei, quando o que eu mais queria era provar para todo o mundo que eu não precisava provar nada para ninguém? Me fiz em mil pedaços para você juntar, e queria sempre achar explicação pro que eu sentia. Como um anjo caído, fiz questão de esquecer que mentir para si mesmo, é sempre a pior mentira. Mas não sou mais tão criança a ponto de saber tudo, já não me preocupo se eu não sei por que. Às vezes, o que eu vejo, quase ninguém vê. E eu sei que você sabe, quase sem querer, que eu vejo o mesmo que você. Tão correto e tão bonito, o infinito é realmente um dos deuses mais lindos. Sei que, às vezes, uso palavras repetidas, mas quais são as palavras que nunca são ditas? Me disseram que você estava chorando, e foi então que eu percebi como lhe quero tanto. Já não me preocupo se eu não sei por quê. Às vezes, o que eu vejo, quase ninguém vê. E eu sei que você sabe, quase sem querer, que eu quero o mesmo que você.
Legião Urbana. (via delator)

(Fonte: relutei, via delator)


Há 1 mês · 16.421 notas · originally from relutei · Reblog

melindros:

Eu acho tão bonito isso De ser abstrato…

melindros:

Eu acho tão bonito isso
De ser abstrato…

(via amanhaeuevc)


Há 1 mês · 4.015 notas · originally from melindros · Reblog

Eu quero é ele. Ele, ele, ele. É que não tem ninguém igual. É que não vai ter sentimento igual. É que não vai ter outra pessoa que seja assim, tão único, tão perfeito, tão, tão… sabe? Não vai ter, eu sei.
Clarissa Corrêa  (via bemaoseulado)

(Fonte: segredou, via amanhaeuevc)


Há 1 mês · 17.574 notas · originally from segredou · Reblog

(via moan-s)


Há 1 mês · 107.186 notas · originally from nymphoninjas · Reblog

(via permeate)


Há 1 mês · 7.579 notas · originally from permeate · Reblog

E ele chegou de mancinho como quem não quer nada e olha no que deu, cá estou apaixonada.
— Esnobou. (via suavidez)

(Fonte: esnobou, via suavidez)


Há 1 mês · 562 notas · originally from esnobou · Reblog

(via seex)


Há 1 mês · 16.395 notas · originally from m-ysteri0us · Reblog

(via d-estinny)


Há 1 mês · 16.539 notas · originally from p-o-t-t-e-r-p-i-c-s · Reblog


Há 1 mês · 157.372 notas · originally from 2-shane-s · Reblog

(Fonte: love-blueyes, via viagem-ao-tudo)


Há 1 mês · 42.776 notas · originally from love-blueyes · Reblog

Eu queria deitar no teu peito e esquecer as maldades do mundo. Eu queria tua mão na minha e a certeza que você não a soltaria nunca. Te pediria a eternidade, mesmo sabendo que ela não dura. Te olho e você se quer percebe o que meus olhos querem dizer, eles gritam, te pedem socorro. Meu pedido escancarado é: fica, fica todo dia mais um pouco.
Cicera Paula.  (via delator)

(Fonte: doceseja, via delator)


Há 1 mês · 7.851 notas · originally from doceseja · Reblog

(via insexs)


Há 1 mês · 78.358 notas · originally from c-0-n-s-p-i-r-a-c-y · Reblog

Aos poucos eu percebi. Que se apaixonar é inevitável, e que as melhores provas de amor são as mais simples. Um dia percebemos que o comum não nos atrai, e que ser classificado como bonzinho não é bom. Um dia percebemos que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em você. Um dia saberemos a importância da frase: “Você se torna eternamente responsável por aquilo que cativa”. Um dia percebemos que somos muito importante para alguém, e que não damos valor a isso! Que homem de verdade não é aquele que tem mil mulheres, mas aquele que consegue fazer uma única mulher feliz! Enfim… um dia descobrimos que apesar de viver quase um século, esse tempo todo não é suficiente para realizarmos todos os nossos sonhos, para beijarmos todas as bocas que nos atraem, para dizer tudo o que tem de ser dito. O jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutamos para realizar todas as nossas loucuras.
Mario Quintana    (via delator)

(Fonte: prestigiador, via delator)


Há 1 mês · 16.903 notas · originally from prestigiador · Reblog